MAIS LIDAS AGORA:
Terça, 17 Abril 2018 10:07

Fortaleza amanhece com chuvas intensas; Aracoiaba registra maior volume Destaque

Escrito por
Avalie este item
(0 votos)

A terça-feira, 17, amanheceu com chuvas na capital cearense, após uma madrugada de precipitações intensas. Segundo dados da Fundação Cearense de Meteorologia e Recursos Hídricos (Funceme), extraídos às 10 horas de hoje, choveu 65,4 milímetros em Fortaleza. Com as precipitações, os problemas ocasionados pela falta de estrutura na cidade voltaram a prejudicar o trânsito e os pedestres. Alargamentos que provocam engarrafamentos são a principal reclamação do fortalezense que saiu de casa na manhã desta terça.

Além da capital, choveu, das 7 horas da manhã dessa segunda até às 10 horas desta terça, em 105 municípios do Ceará. Até o momento, o maior volume foi registrado na cidade de Aracoiaba, região Norte do Estado, com 136 milímetros, seguida de Quixadá (125 mm) e Ibaretama (122 mm). Segundo a Funceme, até a manhã desta terça-feira, já choveu 85,7% do volume previsto para todo o mês de abril no Ceará.

Confira as dez maiores chuvas registradas até agora:

1. Aracoiaba (Posto: Furnas): 136 mm

2. Quixadá (Posto: Quixadá): 125 mm

3. Ibaretama (Posto: Fazenda Niterói): 122 mm

4. Cariré (Posto: Cacimbas): 104 mm

5. Tianguá (Posto: Pindoguaba): 103 mm

6. Amontada (Posto: Icarai de Amontada): 101 mm

7. Granja (Posto: Granja): 100 mm

8. Pacatuba (Posto: Escola Professora Luiza Teodoro): 98,5 mm

9. Aquiraz (Posto: Aquiraz): 93 mm

10. Maranguape (Posto: Maranguape): 90,8 mm

Reservatórios

Com as chuvas do mês de abril, subiu para 17 o número de açudes que estão com 100% de sua capacidade no Ceará. Nessa segunda-feira, 16, os açudes Diamantino II, na cidade de Marco, e o Quandú e Gameleira, em Itapipoca, ganharam aporte máximo, segundo dados da Companhia de Gestão dos Recursos Hídricos (Cogerh).

Os dois reservatórios acima se juntam a seguinte lista: Açude Várzea da Volta, no município de Moraújo; Angicos, em Coreaú; Açude Itapajé, em Itapajé; Maranguapinho, em Maranguape; Acaraú Mirim, em Massapê; Caldeirões, em Saboeiro; Itaúna, na cidade de Granja; Tucunduba, em Senador Sá; Cocó, na capital; Germinal, no município de Palmácia; Tijuquinha, em Baturité; Colina, na cidade de Quiterianópolis e Barragem do Batalhão em Crateús. Outros 23 açudes do Ceará estão com capacidade acima de 90%.

O Açude Castanhão, maior reservatório do Estado, também vem aumentando o seu volume de água. Enquanto que no início da quadra chuvosa, o açude acumulava 150 milhões de metros cúbicos (m³), hoje, o reservatório se encontra com 432 milhões de m³, de acordo com a Cogerh, o que representa 6,45% de sua capacidade A tendência é que o açude, assim como outros do Estado, continue aumentando de vazão.

Lido 255 vezes Última modificação em Terça, 17 Abril 2018 10:13