Share on facebook
Share on twitter
Share on whatsapp

A partir da próxima segunda-feira (2), os motoristas que se envolverem em acidentes de trânsito sem vítimas em Fortaleza devem retiraros veículos da via imediatamente, conforme novo protocolo acordado entre Autarquia Municipal de Trânsito (AMC) e Departamento Estadual de Trânsito (Detran). A medida visa garantir o fluxo normal do trânsito, segundo os órgãos.

Apenas em casos de crime de trânsito, quando houver vítima do acidente, é que os veículos devem permanecer no local aguardando perícia. Ou quando o automóvel estiver impossibilitado de sair.

Com a nova medida, os registros de acidentes sem vítima devem ser feitos por meio do aplicativo AMC Móvel, em uso desde janeiro do ano passado. Os motoristas têm até 30 dias para registrar o caso, podendo incluir fotos da colisão. Caso não queiram utilizar a plataforma, os condutores têm ainda a possibilidade de registrar os casos em uma delegacia próximo ao local do acidente.

Com os dados lançados no aplicativo, técnicos vão fazer uma avaliação e, em cinco dias úteis, o registro deve ser liberado para impressão no site da AMC.

Pelo aplicativo AMC Móvel, o usuário pode consultar dados de investimentos no trânsito, recorrer de uma multa, verificar se o veículo foi rebocado ou denunciar veículos abandonados, por exemplo.

Segundo o Detran, os peritos do órgão vão atuar em atividades internas, e de forma consultiva.