Share on facebook
Share on twitter
Share on whatsapp

Eleito para o Senado pelo Rio de Janeiro, Flávio Bolsonaro (PSL) publicou nesta sexta-feira (19) uma imagem no Twitter e afirmou que teve o seu número de telefone banido pelo aplicativo WhatsApp. Ele é filho do candidato à Presidência Jair Bolsonaro (PSL).

“A perseguição não tem limites! Meu WhatsApp, com milhares de grupos, foi banido do nada, sem nenhuma explicação! Exijo uma resposta oficial da plataforma”, escreveu.

A publicação do filho de Bolsonaro acontece um dia depois de reportagem da Folha de S. Paulo afirmar que empresários compraram pacotes de disparos em massa mensagens contra o PT na ferramenta. Segundo o jornal, cada contrato chega a R$ 12 milhões e são para disparos de centenas de milhões de mensagens.

Com informações UOL

Share on facebook
Share on twitter
Share on whatsapp