Share on facebook
Share on twitter
Share on whatsapp

A modernização da justiça é exigência para o cidadão comum que tem pressa em ver os processos que os envolvem julgados de forma mais rápida e com menos burocracia. A Justiça Estadual, a Justiça do Trabalho e a Justiça Federal têm avançado com ações na área digital para diminuir custos e o tempo de espera para o julgamento de processos cíveis e criminais. A cada ano, são milhares de ações movidas por quem se sente prejudicado na relação com o poder público ou é vítima de algum tipo de crime. A justiça – seja no âmbito estadual ou federal, está abarrotada de processos e a demanda é sempre crescente. O caminho encontrado para os julgamentos serem mais rápidos é a virtualização. Em termos de Justiça Federal, todas as varas cíveis têm os processos virtualizados no Ceará. Agora, o avanço é com a virtualização dos processos criminais. São mais de 3.000 processos na área criminal em tramitação na Justiça Federal do Ceará – na Grande Fortaleza e no Interior do Estado. Quanto menos burocracia, quanto menos tempo na espera de julgamento, melhor para o poder público que pode ser ressarcido dos prejuízos causados por quem comete crime de improbidade administrativa com recursos federais e melhor, ainda, para o cidadão que dorme e acorda sonhando com uma justiça mais ágil e menos impunidade no Brasil. Confira o editorial completo no player abaixo:

Editorial 17.02