Share on facebook
Share on twitter
Share on whatsapp

Após o período de recesso parlamentar, os deputados federais retornam a Assembleia Legislativa para retomar suas atividades. Nessa segunda-feira (3) o Presidente da Mesa Diretora, José Sarto (PDT) fez uma apelo aos colegas parlamentares, pedindo que os deputados estaduais evitem transformar, nesse primeiro semestre, a tribuna do Plenário em palanque eleitoral.

Confira mais informações com o correspondente do Jornal Alerta Geral, Carlos Alberto:

Para o jornalista Luzenor de Oliveira, é inevitável que aja acirramento entre os parlamentares a partir do momento em que os deputados estaduais, com conflitos em bases políticas, comecem a levar a Assembleia temas que tratam do dia-a-dia dos municípios.

“É isso que o presidente da Mesa Diretora, José Sarto, quer evitar, mas é uma tarefa muito árdua”, pondera Luzenor.

Para o jornalista Beto Almeida a preocupação de José Sarto “é justa”, principalmente diante das experiências já vividas em anos anteriores quando se está em um ano de eleições. O jornalista ainda aponta que o presidente está elaborando uma cartilha eleitoral, que será distribuída a todos os 46 parlamentares para que estes tenham conhecimento das normas do processo eleitoral, fazendo assim um alerta aos deputados.

“(Para) que aja ali um alerta, um preto no branco, para que depois o parlamentar (não) diga que ‘aquela regra específica não estava bem esclarecida’ […] Há uma série de questões e preocupações que os parlamentares precisam ter no comportamento, em como vão se colocar durante o debate, principalmente, como diz o presidente José Sarto, neste primeiro semestre”, afirma o jornalista.

Na mesma ocasião, o Governador do Estado, Camilo Santana leu uma mensagem do Poder Executivo ao Legislativo, destacando o equilíbrio fiscal como um ponto importante para a saúde da economia do Ceará.

“A coisa mais importante nesse momento para garantir que o estado possa fazer ações na área da saúde, na área da segurança, que o Estado possa realizar concursos públicos, construir novas estradas, novos hospitais, é ter saúde fiscal”, afirmou Camilo.

Camilo ainda relatou que o Governo do estado tem trabalhado para atrair novos investidores para o Ceará, como também na disponibilidade de profissionais capacitados. O governador aponta que na área de recursos hídricos os programas de construção de poços profundos, adutoras, instalação de cisternas, chafarizes, dessalinizações e sistemas de abastecimento de água foram intensificados.

Confira o comentário dos jornalistas Luzenor de Oliveira e Beto Almeida:

Share on facebook
Share on twitter
Share on whatsapp