Share on facebook
Share on twitter
Share on whatsapp

O Bate Papo Político traz como destaque na edição desta terça-feira, 6, no Jornal Alerta Geral (Rádio FM 104.3 – Expresso Grande Fortaleza + 23 emissoras no Interior), uma realidade que assusta a todo o País: acidentes de trabalho no Brasil custaram mais de R$ 26 bilhões à Previdência Social entre 2012 e 2016, segundo dados do Ministério Público do Trabalho (MPT), divulgados nessa segunda. A conta inclui gastos com auxílio-doença, aposentadoria por invalidez, pensão por morte e auxílio-acidente. Somente neste ano, os custos da Previdência já superam R$ 760 milhões. Nos últimos cinco anos, foram registrados 3.879.755 comunicados de acidentes de trabalho em todo o País.

A estimativa do MPT é que, nesse período, 14.412 pessoas morreram em decorrência de acidentes trabalhistas. O Ministério Público do Trabalho também calculou o impacto dos acidentes de trabalho na economia do País, no ano de 2017. Segundo o estudo, as perdas no Produto Interno Bruto (PIB) chegaram a R$ 264 bilhões. Outro impacto nos cofres da Previdência Social são os elevados números de acidentes de trânsito. Somente no Ceará, os acidentes custam R$ 3,1 bilhões a cada ano, de acordo com o Observatório Nacional de Segurança Viária.

Paralelo a esse assunto, os segurados da Previdência Social em Canindé reclamam da demora do atendimento na agência do INSS do Município, principalmente devido à falta de perícia, como mostrou o correspondente Wellington Lima.

As reclamações em vários pontos do Brasil, como acontece no Interior do Ceará, sobre a falta de médicos peritos parece está se tornando recorrente. Na semana passada, a denúncia da falta de médicos peritos no Interior do Estado – mais precisamente na região dos Inhamus – já havia sido trazida pelo correspondente Alverne Lacerda. Vale destacar que esses médicos não só trabalham realizando as perícias, como também para atender os segurados no dia a dia.

Ainda na questão previdenciária, o Governo Federal anunciou uma nova etapa da operação pente-fino para fazer perícias nos segurados que recebem auxílio-doença ou aposentadoria por invalidez, na tentativa de detectar fraudes e suspender os benefícios.

O Bate Papo Político ainda trouxe informações sobre a madrugada violenta na cidade de Santa Quitéria. O alvo dos bandidos foi uma agência do Bradesco, como informou o correspondente do Jornal Alerta Geral, Wanderley Moisés. Na ação, até um drone foi usado pelos assaltantes para coordenar o assalto, que aconteceu por volta das 3h45 da madrugada. A polícia não detalhou se os bandidos levaram algum valor em dinheiro da agência.

Ainda na pauta da Segurança Pública, o governador Camilo Santana (PT) participa, hoje, de mais uma reunião para discutir novas ações de combate ao crime organizado no Ceará. O encontro em Teresina, que também contará com a presença dos outros oito governadores da região Nordeste, busca debater um plano conjunto de ações, na área da Segurança, dos estados nordestinos, que seria levado ao ministro da Segurança Pública, Raul Jungmann.

A agenda política das eleições 2018 também entrou na pauta de discussões do Bate Papo Político desta terça-feira. O Superior Tribunal de Justiça (STJ) julga, hoje, o recurso do ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva para evitar que ele seja preso. Em tese, com a dupla condenação no processo do triplex do Guarujá (SP), na operação Lava Jato, e o esgotamento dos recursos em 2ª instância, Lula pode ter emitida a ordem de prisão para que comece a cumprir sua pena de 12 anos e um mês em regime fechado.

O Habeas Corpus levado ao STJ é um pedido preventivo para que a prisão não aconteça. Se negado, a defesa do ex-presidente pode levar a questão ao Superior Tribunal Federal (STF). A sessão do julgamento no STJ será transmitida ao vivo pelo Youtube a partir das 13 horas.

E por falar em eleições presidenciais, mais um presidenciável oficializa na próxima quinta-feira, 8, sua candidatura à Presidência da República. O presidente da Câmara Federal, Rodrigo Maia (DEM-RJ), tenta entrar na disputa na chamada “faixa de centro”.  O nome do parlamentar será anunciado na convenção nacional do DEM. Maia disse que andou pelo País conversando com lideranças empresariais, políticas e sindicais e, por isso, decidiu que era a hora de entrar na corrida pelo Planalto.

Vale ressaltar que o presidente da Câmara teve seu nome citado para as eleições deste ano, pela primeira vez, em Fortaleza, em novembro passado, durante o ato de filiação do deputado federal Danilo Forte ao DEM.

Gostou dos assuntos do Bate Papo Político de hoje? Então clica no player abaixo e ouça aos comentários dos jornalistas do Luzenor de Oliveira e Beto Almeida na íntegra!

BATE PAPO 06.03.2018

Share on facebook
Share on twitter
Share on whatsapp