Share on facebook
Share on twitter
Share on whatsapp

O presidente do Sistema Autônomo de Água e Esgoto (SAAE) de Canindé, Francisco de Sousa Rocha, anunciou a desativação da adutora que transferia água do açude General Sampaio para abastecer os canindeenses. Segundo ele, a cidade não corre mais o risco de colapso no seu abastecimento de água até 2018. Os dois maiores reservatórios do município – o São Mateus e o Sousa -, já acumularam volume hídrico suficiente para atender os consumidores da área urbana pelos próximos 12 meses.

Além de poupar a água do reservatório do município vizinho, a decisão beneficia o próprio Canindé com a redução de custos mensais de R$ 60 mil para R$ 7 mil. Segundo Francisco, o açude Sousa estava completamente seco desde agosto de 2014, enquanto o São Mateus havia esgotado seus recursos em novembro do mesmo ano. Canindé passou a ser abastecida por carros-pipa e poços profundos perfurados em caráter de urgência. O São Mateus saltou da cota zero para 9,2 milhões de m³ em 18 dias. A população comemora e aguarda com expectativa ele atingir o seu volume máximo, de 10,3 milhões de m³ com as chuvas de abril.

Balanço

Conforme o último balanço da Companhia de Gestão dos Recursos Hídricos (Cogerh), os 153 açudes monitorados pelo órgão estadual – distribuídos em 12 bacias hidrográficas, com capacidade total de 18,64 bilhões de m³ -, apresentam apenas 10,38% do seu volume, o equivalente a 1,93 bilhão de m³.

Atualmente, a bacia hidrográfica com melhor situação é a do Coreaú, com 58,76% da sua capacidade, seguida da bacia do Litoral, com 45,95%; Metropolitana, com 22,26%; Acaraú 21,01%; Serra da Ibiapaba 15,77%; Salgado 13,59%; Alto Jaguaribe (10,80%); Curu 9,75%; Médio Jaguaribe 5,38%; Banabuiú 3,57%; Sertões de Crateús 1,70% e Baixo Jaguaribe com 1,04%.

Ainda de acordo com a Cogerh, este ano já foi registrado um aporte total de 806,09 milhões de m³. No dia 29 de março, o aporte foi 11,94 milhões m³. Os açudes destaques que tiveram recarga foram: Tucunduba, Orós, Araras, Castanhão e Edson Queiroz. No total 57 açudes registraram aporte.

Fonte: Diário do Nordeste