Share on facebook
Share on twitter
Share on whatsapp

Desde março até novembro, a Agência Nacional de Saúde Suplementar (ANS) recebeu 14.991 reclamações de usuários de planos de saúde relacionadas à covid-19. O dado faz parte do Boletim Covid-19 divulgado hoje (18) pela agência reguladora, que monitora informações assistenciais e econômico-financeiras do setor durante a pandemia.

Em novembro foram registradas 1.163 reclamações, queda de 4,1% em relação ao mês anterior. Do total de reclamações sobre covid-19 registradas no mês passado, 69% dizem respeito a dificuldades relativas à realização de exames e tratamento, 20% se referem a outras assistências afetadas pela pandemia e 11% são reclamações sobre temas não assistenciais (contratos e regulamentos, por exemplo).

Além das quase 15 mil reclamações, a ANS recebeu também 18.488 pedidos de informações sobre procedimentos relacionados à covid-19.

A taxa de ocupação de leitos exclusivamente alocados para covid-19 subiu para 63% em novembro ante 54% verificado em outubro. E a taxa de ocupação de leitos para os demais procedimentos passou de 68% em outubro para 71% em novembro.

(*) Com informações da Agência Brasil

Share on facebook
Share on twitter
Share on whatsapp