Share on facebook
Share on twitter
Share on whatsapp

A Serra da Rajada, na localidade de Tucunbuba, em Caucaia, será a primeira Unidade de Conservação Municipal. O município foi vencedor em edital do Governo do Estado e terá a área reconhecida como Área de Proteção Ambiental (APA). É uma boa notícia para os caucaienses e, principalmente, para os ambientalistas que militam no município em defesa da preservação dos sistemas naturais.

Com a regulamentação da área, a Serra da Rajada e seu entorno terá sua diversidade biológica melhor protegida, o processo de ocupação disciplinado e a sustentabilidade do uso dos recursos naturais assegurada.

A Serra da Rajada é uma região muito apreciada pelos caucaienses, mas pouco explorada pelo turismo devido o total desconhecimento. Possui muitos sítios com vegetação exuberante e várias piscinas naturais. No entanto, devido à estrada de acesso ser precária são poucas as pessoas que se aventuram. “Mas quem se aventura não fica decepcionado”, observa a vereadora Germana Sales, assídua frequentadora da serra.

Em uma sessão na Câmara Municipal ela fez coro com o vereador Mersinho Nobre que relatou sobre as belezas do local e solicitou para que a região fosse incluída no plano de turismo do Estado. Mersinho pediu que a Prefeitura olhasse com bons olhos para o local que possui potencial turístico gigantesco, “mas carece de infraestrutura como estrada de acesso e incentivo para desenvolver-se economicamente”. A segurança na área também foi reclamada pelos vereadores.

LEVANTAMENTO TÉCNICO

O trabalho está bem avançado. O estudo técnico de fauna e flora já foi realizado, assim como o levantamento histórico junto à comunidade quilombola da região. Os próximos passos para a consolidação da APA serão a elaboração de um plano de manejo e a criação de um conselho gestor, responsável por sua administração e constituído por representantes de órgãos públicos, de organizações da sociedade civil e da população residente.

A classificação em APA é importante porque a perda de biodiversidade e de serviços ambientais associados à degradação indica a necessidade da implementação de estratégias para a conservação e o uso sustentável dos recursos naturais. Nesse sentido, o Instituto do Meio Ambiente de Caucaia (Imac) já adota algumas medidas com a finalidade de proteger e preservar a biodiversidade e o disciplinamento do processo de ocupação, visando assegurar a sustentabilidade do uso dos recursos naturais.

Fonte – Assessoria de Comunicação de Caucaia