Share on facebook
Share on twitter
Share on whatsapp

Os contribuintes precisam juntar documentos e informações para, neste mês de março, fazer um encontro de contas com a Receita Federal. O prazo para apresentação de dados sobre receitas, investimentos e aquisição de bens é bem curto, mas a disponibilidade da tecnologia pode facilitar a vida dos contribuintes. As declarações podem ser entregues a partir desta segunda-feira (1°) e o prazo se estende até o dia 31.

Em 2021, tem uma novidade: quem recebeu, em 2020, rendimento tributável acima de 22 mil, 847 reais e embolsou o dinheiro do auxílio emergencial, precisa fazer a declaração do Imposto de Renda e será chamado a devolver a grana aos cofres da União.

Para explicar melhor e dar mais detalhes sobre esse compromisso dos contribuintes, auditor fiscal da Receita Federal, Marcondes Fortaleza, falou, nesta segunda-feira (1º), para os ouvintes e internautas do Jornal Alerta Geral.

Share on facebook
Share on twitter
Share on whatsapp