Share on facebook
Share on twitter
Share on whatsapp

Depois de percorrer todo o município apresentando o novo Plano Diretor Participativo (PDP), a Prefeitura de Caucaia promoveu nessa segunda-feira, 9, a última audiência pública de amostragem do documento. O evento aconteceu na Escola de Educação Infantil e Ensino Fundamental (EEIEF) Domingos Abreu Brasileiro, na Primavera.

Segundo o titular da Secretaria Municipal Planejamento Urbano e Ambiental (Seplam), Daniel Cavalcante, após a audiência de hoje, o PDP será encaminhando ao prefeito Naumi Amorim para, em seguida, ser submetido à apreciação da Câmara Municipal de Caucaia. “O Plano Diretor é fundamental para o crescimento do Município pelo fato de darmos condições para estruturar melhor e fazer novos investimentos para a cidade”, ressalta.

Conforme a subsecretária da Seplam, arquiteta e urbanista Adelina Feitosa, o momento das audiências foi importante porque foram ouvidos os sete distritos e a sede do município. “É uma consolidação do Plano envolvendo todos os distritos com a participação da população e do Legislativo. A população foi ouvida e compreendeu este momento, apropriando-se dos seus direitos e dos seus deveres”.

Para a líder comunitária Maria Magalhães, o encontro de hoje foi muito importante para esclarecer e “tirar as dúvidas da comunidade que não tem muito conhecimento”. “A reunião veio enriquecer e amadurecer mais as ideias das pessoas. Agora todos têm o conhecimento de que forma ficará a comunidade e a cidade.”

Em janeiro, a Prefeitura, através da Seplam, promoveu audiências públicas para apresentar o PDP à população de Caucaia e receber propostas nos Matões, Tucunduba, Sede, Guadalajara, Catuana, Sítios Novos, Bom Princípio e Mirambé.

Diversas outras audiências e encontros com representantes de setores específicos de Caucaia aconteceram em 2017, também promovidos pela Prefeitura. A expectativa da Seplam é de o PDP ser amplamente discutido e votado pelos vereadores de Caucaia ainda neste semestre.

Conforme lei federal, toda cidade com mais de 20 mil habitantes tem por obrigação elaborar e implementar um Plano Diretor. E de revisá-lo a cada cinco anos. No caso de Caucaia, segundo maior município do Ceará com cerca de 360 mil moradores, o documento em vigor data de 2001 e nunca passou por uma atualização.

O novo PDP de Caucaia é resultado de um diagnóstico da realidade física, social, econômica, política e administrativa do município. Ele reúne um conjunto de leis que definem os rumos da cidade para os próximos 20 anos.

Com informações da Prefeitura de Caucaia

Share on facebook
Share on twitter
Share on whatsapp