Share on facebook
Share on twitter
Share on whatsapp

Os aliados do Governo do Estado somam, pelo menos, 38 votos dentro da Assembleia Legislativa. A oposição, mesmo, pra valer, conta com oito parlamentares – o suficiente para tentar lotar uma Kombi. Nem mesmo o deputado Sérgio Aguiar (PDT), que disputou e perdeu a eleição à Mesa Diretora da Assembleia Legislativa para o atual presidente José Albuquerque (PDT), é incluído entre os integrantes de um bloco de oposição política e administrativa ao Governo Camilo Santana. Essa é uma das leituras da Coluna Política e Economia, assinada, neste site, pelo jornalista Carlos Alberto Alencar. Carlos contará, no dia a dia, os bastidores da Assembleia Legislativa e da política estadual.

Dentro de uma Kombi 

Com a cooptação pelo Governo Camilo de Audic Mota (PMDB), Thomaz Holanda (PMDB), João Jaime (PMDB) e Agenor Neto (PMDB), a oposição na Assembleia Legislativa reduziu-se a oito deputados: Capitão Wagner (PR), Daniel Oliveira (PMDB), Aderlânia Noronha (Solidariedade),Fernanda Pessoa (PR), Carlos Matos (PSDB), Leonardo Araújo (PMDB), Heitor Ferrer (PSB), Ely Aguiar (PSDC), Dra. Silvana (PMDB) e Odilon Aguiar (PMB). Fazendo a conta: oito contra 38.

 

 

 

Numa Kombi

 

Com a cooptação pelo Governo Camilo de Audic Mota, Thomaz Holanda, João Jaime e Agenor Neto, a oposição na Assembleia Legislativa reduziu-se a oito deputados: Capitão Wagner, Daniel Oliveira (PMDB), Aderlânia Noronha (Solidariedade),Fernanda Pessoa (PR), Carlos Matos (PSDB), Leonardo Araújo (PMDB), Heitor Ferrer (PSB), Ely Aguiar (PSDC), Dra. Silvana (PMDB) e Odilon Aguiar (PMB). Fazendo a conta: oito contra 38.

 

 

 

 

Tiro é queda

 

Não disse que Camilo Santana ia anunciar, mais uma vez, a redução dos índices de crimes violentos no Ceará? Não deu outra. Pois bem, segundo as estatísticas oficiais, em fevereiro, os Crimes Violentos Letais Intencionais (CVLIs) caíram 9,4%, os Crimes Violentos Contra o Patrimônio (CVPs) diminuíram 13,9%, e os furtos acompanharam o decréscimo com 4,9% no Estado. Tem que avisar aos bandidos, pois na rua o sentimento é exatamente inverso. Qualquer dia desses, o governador vai ter que ressuscitar vítima de criminosos para explicar essas estat&iacu te;sticas que anuncia todo mês.

 

Tomou gosto

Parece que Camilo definiu mesmo a estratégia de comunicação conversar com internautas pelo Facebook. Ontem, pela segunda vez, ele usou o Face para anunciar exatamente a redução da criminalidade no Estado. Interessante é que nenhuma das perguntas que lhes foram feitas questionaram os índices. Só abobrinha.

 

Só lembrando

 

No primeiro mandando, o ex-governador Cid Gomes mandou fazer um projeto semelhante para o rádio. Era mais ou menos assim: um jornalista contratado iniciava uma entrevista gravada com o então governador sobre determinado tema. Essa entrevista seria editada com a inclusão de perguntas, também gravadas, de populares. O projeto foi aprovado e orçado, mas nunca executado. Parece que Camilo está copiando o “mestre”, conseguindo fazer algo semelhante na internet.

  

 

Desmentido

 

Deputado Sérgio Aguiar (PDT) esclarece que é candidato a permanecer na Assembleia Legislativa em 2018. Diz que seu projeto é continuar defendendo, principalmente, os municípios onde foi votado, as micros e pequenas empresas e os setores de turismo e de serviços. “Só isto já é uma grande missão”. Correu boato que ele seria candidato a deputado federal.

 

Fala sério prefeito…

 

Está faltando água em seis bairros de Sobral: Campos dos Velhos, Centro, Alto Novo, Renato Parente, Alto do Cristo e Parque Silvana II. O prefeito Ivo Gomes (PDT) disse que as chuvas atrapalharam a distribuição das águas porque chegaram sujas e poluíram o açude que abastece as regiões afetadas. Será que existe lá estação de tratamento no açude que distribui a água para os sobralenses?

 

Marmelada na bica

 

Prefeito do Ipu, Sérgio Rufino (PCdoB), foi obrigado pela Justiça a convocar os 371 aprovados no último concurso municipal. Na verdade, ele chamou os aprovados ainda no ano passado, mas os demitiu após as eleições, preferindo terceirizar o serviço. Rufino foi reeleito. A Prefeitura promete recorrer para o pleno do Tribunal de Justiça. O Ipu fica na região da Ibiapaba.
Escassez hídrica

O empresariado cearense está preocupado com a paralisação das obras da transposição das águas do rio São Francisco no trecho Salgueiro (PE) – Jati (CE). O Ministério da Integração Nacional desclassificou a paulista Passarelli Construtora, por não atender os critérios técnicos para as obras do Eixo Norte da Transposição do São Francisco. Também foram eliminadas as outras duas empresas que compunham o consórcio, a PB Construtora (CE) e a Construcap (SP), assim como a segunda colocada – a Marquise.  Elas seriam responsáveis por continuar as obras do trecho Salgueiro (PE) – Jati (CE).

Pessimismo

Em reunião da Comissão Especial para Acompanhar e Monitorar as Obras de Transposição do Rio São Francisco, da Assembleia Legislativa, o secretário de Desenvolvimento Regional do Ministério de Integração Nacional, Marlon Cambraia, surpreendeu a todos apresentando como “previsão pessimista” para inauguração das obras do rio São Francisco no primeiro semestre de 2018. A transposição no Eixo Norte está com 94,52% das etapas concluídas, e a última previsão de finalização da obra era o segundo semestre deste ano.

Tijolo por tijolo

O custo por metro quadrado da construção civil no Nordeste, em janeiro, foi o mais baixo entre as Regiões brasileiras: R$ 954,49. O valor é 11,3% menor que o encontrado na Região mais cara, o Sudeste (R$ 1.075,93). O custo nacional, que em dezembro foi de R$ 1.027,30, subiu para R$ 1.031,21 sendo R$ 531,93 relativos a materiais e R$ 499,28, a mão de obra. O Nordeste foi o que apresentou o menor valor tanto para matérias primas (R$ 516,52) quanto para gastos com pessoal (R$ 437,97). A avaliação é do Etene, órgão de pesquisas do Banco do Nordeste.

Beleza

O Decon autuou nove dos dez estabelecimentos fiscalizados na Operação Atena, realizada entre os dias 6 e 9 de março para marcar o Dia da Mulher. Neste período, foram vistoriados seis estúdios de pilates e quatro salões de cabeleireiros. Apenas em um estúdio de pilates não foi constatada nenhuma irregularidade. As principais infrações constatadas: falta de registro sanitário, certificado dos Bombeiros e de alvará de funcionamento.

Share on facebook
Share on twitter
Share on whatsapp