Share on facebook
Share on twitter
Share on whatsapp

Dinheiro nos cofres dos municípios! O município de Juazeiro do Norte recebe com entusiasmo a aprovação do empréstimo de U$ 80 milhões de dólares para a cidade em votação simbólica no Senado Federal nessa quarta. Os recursos serão destinados ao financiamento parcial do Programa de Saneamento e Infraestrutura Urbana da cidade. Dentro do Bate-Papo político, desta quinta-feira (03), no Alerta Geral (Expresso FM 104.3 + Agora FM 107.5 + Redes Sociais) os jornalistas Luzenor de Oliveira e Beto Almeida repercutiram o assunto.

Luzenor detalha que a quantia, convertida em reais, atinge a soma de R$ 430 milhões de reais, mas que esse dinheiro não deve chegar agora, mas “é uma grande que vai caminhar para os cofres no segundo semestre de 2021”, diz ele. Em seguida, o jornalista Beto Almeida complementa ao dizer que a quantia será administrada pelo próximo prefeito da cidade que será eleito em novembro deste ano. Ele ainda diz que os recursos são destinados programas específicos:

“O que está em jogo aí é exatamente para o fato de que é dinheiro para o programa de saneamento e infraestrutura urbana pra ser aplicado na cidade de Juazeiro do Norte, num momento que se discute exatamente a abertura do setor do Saneamento Básico no país, pra melhorar essa estrutura que hoje ela e totalmente defasada não só no Ceará, mas em todo pais”, diz Beto.

Na sequência, Luzenor salienta o dinheiro que está previsto para chegar nos cofres dos municípios cearenses nesta sexta-feira. A quantia de R$ 1 bilhão de reais, destinada aos 5.570 municípios brasileiros, é uma compensação da União para as cidades que sofreram perda na arrecadação do FPM devido a pandemia do coronavírus que interrompeu as atividades econômicas por quase três meses, trazendo prejuízos para as administrações.

“É uma recompensa pela perda de recursos do FPM com a pandemia do coronavírus, com a suspensão de atividades nas áreas industriais, comercial e de serviços, os municípios e os estados sofreram com a queda na arrecadação, como recompensa, o governo federal decidiu ajudar os municípios. Esse dinheiro que está chegando nessa sexta-feira para os municípios do Ceará é uma parcela de outras tantas que já foram depositadas nos cofres das prefeituras, afirma Luzenor.

Ao falar sobre a destinação dos recursos, Beto Almeida diz que o dinheiro é bem inferior ao que é repassado nas cotas normais pela União. Porém, ele lembra que isto é “exatamente uma forma de garantir essa compensação pelas perdas que os municípios e também os estados tiveram durante por conta da pandemia. Verba que pode ser pouca, mas pra alguns alguns, principalmente os menores, tem um impacto muto bom, muito significativo“, finaliza.

Share on facebook
Share on twitter
Share on whatsapp