Share on facebook
Share on twitter
Share on whatsapp

Mandato cassado! Por 6 votos 1, o Tribunal Regional Eleitoral do Ceará decidiu cassar os mandatos e suspender os direitos políticos do deputado federal Genecias Noronha e de sua esposa, a deputada estadual Aderlânia Noronha. A decisão foi um dos temas do Bate-Papo entre os jornalistas Luzenor de Oliveira e Beto Almeida nesta quinta-feira (13).

Os parlamentares prometem entrar com agravo de instrumento contra a decisão do TRE-CE e também devem ir com recurso junto ao Tribunal Superior Eleitoral (TSE), a fim de provarem sua inocência perante as acusações de abuso de poder impetradas pelo Ministério Público. Ambos, entretanto, ainda permanecem com seus mandatos em exercício, no aguardo da decisão final do TSE.

Em seu comentário, o jornalista Beto Almeida destaca que a decisão também afeta o prefeito de Parambu, Raimundo Noronha Filho, bem como o vice-prefeito Luiz Noronha Junior, ambos que são parentes de Genecias Noronha e ficarão inelegíveis por oito anos. Beto detalha o motivo pelo qual os deputados são acusados:

“A repercussão é enorme e traz uma preocupação a mais, aqui (Assembleia Legislativa) inclusive serve de alerta pra outros políticos, porque qual é o crime aqui do Genecias e da Aderlania?  É de terem usado a internet, inclusive as redes oficiais da prefeitura de Parambu pra se promoverem”

Ainda avaliando a suspensão do mandato de Genecias e Aderlânia, que integram a base política do Solidariedade no Estado, Beto prossegue e afirma que a decisão abre um precedente perigoso para os demais parlamentares. “Quantos outros parlamentares, inclusive os que estão eleitos aqui na Assembleia Legislativa, na Câmara Federal, também não incorreram neste mesmo tipo de crime?”, indaga o jornalista.

Por fim, Beto questiona se diante de uma justiça não tão ágil e vários recursos que ainda podem ser colocados para reverter as decisões da Justiça Eleitoral, há possibilidade de haver desfecho antes das eleições: “Você acredita que com esssa lerdeza da Justiça como um todo, no geral, esse processo todo possa ser julgado até outubro? Eu acho difícil! “

Share on facebook
Share on twitter
Share on whatsapp