Share on facebook
Share on twitter
Share on whatsapp
Brasília - Conselho de Ética rejeita processo contra o deputado Jair Bolsonaro, por elogiar Brilhante Ustra (Fabio Rodrigues Pozzebom/Agência Brasil)

O presidente Jair Bolsonaro afirmou que “baterá o martelo” sobre proposta final da Reforma da Previdência nesta quinta-feira (14). A definição depende de uma reunião que o presidente terá, à tarde, com a equipe econômica. Ele também afirmou que as regras aplicadas às Forças Armadas serão estendidas aos policiais militares e bombeiros.

Após uma série de críticas envolvendo os principais pontos afetados pelas mudanças, a equipe econômica, responsável pela reforma, já ensaia uma proposta mais branda. O presidente não adiantou qual será a idade mínima para homens e mulheres – um dos pontos mais criticados -, mas assegurou que o período de transição será fixado. No caso da idade mínima maior – 60 anos para mulheres e 65 para homens, a transição será de 2022 a 2023. “Vou conversar com a equipe econômica“, acrescentou.

O correspondente do Jornal Alerta Geral (Rádio FM 104.3 – Expresso Grande Fortaleza + 26 emissoras no Interior), Carlos Alberto, tem mais informações sobre o assunto. Confira no player abaixo!

Share on facebook
Share on twitter
Share on whatsapp