Share on facebook
Share on twitter
Share on whatsapp

O presidente eleito Jair Bolsonaro (PSL) afirmou que vai conversar com o presidente Michel Temer (MDB) para tentar aprovar “ao menos parte” da reforma previdenciária ainda em 2018, antes mesmo de assumir o cargo. As declarações foram dadas em uma série de entrevistas à imprensa exibidas por emissoras de TV na noite dessa segunda-feira, 29.

A primeira entrevista foi exibida pela TV Record. Poucos depois Band, SBT e Globo também transmitiram conversas com o presidente eleito. “Semana que vem estaremos em Brasília e tentaremos junto ao atual governo de Michel Temer aprovar alguma coisa. Senão toda a reforma da Previdência, ao menos parte, para evitar problemas para um futuro governo”, disse à Record.

A declaração contradiz a postura adotada por sua equipe a respeito da proposta de reforma previdenciária proposta pelo governo Temer. O coordenador político da campanha do PSL, Onyx Lorenzoni (DEM-RS), já havia declarado no início de outubro que o assunto só seria discutido depois da posse, e não na transição.

Com informações do Jornal Agora São Paulo

Share on facebook
Share on twitter
Share on whatsapp