Share on facebook
Share on twitter
Share on whatsapp

O Brasil passou o Canadá e subiu mais uma posição no ranking de capacidade instalada de energia eólica elaborado pelo Global World Energy Council, ocupando agora o oitavo lugar. Em 2017, foram adicionados 52,57 gigawatts (GW) de potência eólica à produção mundial, totalizando 539,58 GW de capacidade instalada. Desse total, 12,76 GW estão instalados no Brasil, informou a Associação Brasileira de Energia Eólica.

Já no ranking de nova capacidade instalada no ano, o Brasil está em sexto lugar, informa a Associação, tendo instalado 2,02 GW de nova capacidade em 2016. Nesta categoria, o Brasil caiu uma posição, já que o Reino Unido subiu do nono para o quarto lugar, instalando 4,27 GW de capacidade de energia eólica em 2017.

O Brasil tem mais de 500 parques eólicos e abastece cerca de 10% de toda a energia consumida no País. Considerados todos os leilões realizados, até 2020 o Brasil terá 18,63 GW instalados.