Share on facebook
Share on twitter
Share on whatsapp

A redução foi de 13,98% no mês de março. O registro da redução é considerada a maior alcançada desde 2014 e representa 1,6 milhão de metros cúbicos a menos na média utilizada para cálculo da tarifa de contigência, implantada em dezembro de 2015.

Segundo a Companhia de Água e Esgoto do Ceará (Cagece), o mês de março deste ano de 2017 teve 213.647 mil clientes dentro da tarifa de contingência. Se comparado com dezembro de 2015, quando a tarifa iniciou, mais de 77 mil clientes já saíram desse grupo e deixaram de pagar a tarifa de contingência porque atingiram a meta individual de consumo.

A Cagece afirma que, apesar das chuvas, a situação hídrica ainda não está confortável no Estado. Atualmente, os açudes no Ceará têm 12,47% da capacidade máxima de armazenamento. O principal manancial que abastece a Capital cearense, o Castanhão, possui volume de 6,08% de sua capacidade.

Share on facebook
Share on twitter
Share on whatsapp