Share on facebook
Share on twitter
Share on whatsapp

O governador Camilo Santana (PT) e o secretário da Saúde do Ceará, Dr. Cabeto, apresentaram, nesta sexta-feira, por meio das redes sociais, a criação da Fundação de Saúde do Ceará (Fundsaúde).


Durante transmissão, o governador e o secretário da saúde ressaltaram a importância da instituição para o estado, em que terá como principal função apoiar os municípios na execução dos serviços de saúde regionais.

“Nós estamos em curso no meio de uma pandemia de proporções internacionais. O Estado do Ceará, com a colaboração do governador, se tornou um dos estados mais harmônicos da relação entre a ciência, a tecnologia e a decisão política, e a Fundação é um dos passos que consolida isso”, afirma o secretário da saúde Dr. Cabeto.


Segundo o Dr. Cabeto, a Fundação mostra a preocupação que o Estado tem tido em colocar o bem-estar da população em primeiro lugar com o melhoramento da saúde pública, buscando alcançar a quem não tem acesso, com expectativas de transformar o Sistema de Saúde do Estado.

“Não é um trabalho fácil, mas a Fundação vem com o trabalho de colaborar com os hospitais do estado, estabelecendo parcerias para melhorar a gestão das regiões de saúde desenvolvendo e aproximando a realidade do Sertão Central, da Região Norte, do Vale do Jaguaribe,e do Cariri com o objetivo de estabelecer uma equidade”, continua o secretário Dr. Cabeto.


O governador afirma, ainda, que cada uma das cinco macrorregiões contará com hospitais de alta complexidade.
“O objetivo é que 90% das necessidades da saúde do cidadão sejam resolvidos naquela região. O Ceará foi dividido em cinco macrorregiões de saúde. Cada região dessa vai ter um hospital funcionando de alta complexidade”, observou Cabeto.

A Fundação de Saúde do Ceará não será mantida pelo Estado, porém, prestará serviço ao poder público mediante contrato tendo autonomia em captar outras fontes de receita.


Share on facebook
Share on twitter
Share on whatsapp