Share on facebook
Share on twitter
Share on whatsapp

Um caminhoneiro de 35 anos foi preso no município de Acopiara, a 345 quilômetros de Fortaleza, após sequestrar um casal que parou para ajudá-lo na rodovia CE 060, em Mombaça, na tarde do domingo. O homem tentou escapar do suspeito, mas foi atropelado pelo caminhão e morreu no local, conforme o delegado William Lopes, titular da delegacia de Senador Pompeu, onde foi feito o flagrante do caso.

De acordo com o delegado Lopes, o caminhoneiro estava parado no acostamento da CE 060 e informou para o casal que estava sem combustível. As vítimas foram até um posto de gasolina e, ao retornarem, o caminhoneiro rendeu o homem com uma barra de ferro, amarrou e o colocou na cabine do caminhão. A mulher, que estava do outro lado do veículo, não viu a ação e logo em seguida também foi amarrada e colocada na cabine. O caminhoneiro seguiu com as vítimas pela estrada e durante todo o caminho fazia ameaças e pedia a quantia de R$ 500 para poder soltá-los.

Segundo William, em um determinado momento do trajeto o suspeito parou o caminhão e desceu. O homem conseguiu se soltar e pulou do veículo. Ao perceber que um dos reféns tinha fugido, o caminhoneiro ligou o veículo, atropelou o homem e fugiu levando a mulher. Ele chegou a agredi-la com a barra de ferro. Como a porta do caminhão ficou aberta, a mulher, mesmo amarrada, pulou do veículo em movimento.

Uma viatura da Polícia Militar de Pedra Branca estava fazendo patrulhamento pela região e avistou a mulher, que informou a direção que o caminhoneiro tinha fugido. Conforme nota da Secretaria de Segurança Pública e Defesa Social, o caminhoneiro alegou,  que gastou aproximadamente R$ 500 em cocaína, e por isso, decidiu realizar um assalto. O suspeito foi autuado por extorsão mediante sequestro, resultando em morte, e também direção perigosa, na Delegacia Regional de Senador Pompeu. A mulher foi socorrida e já recebeu alta.