Share on facebook
Share on twitter
Share on whatsapp

A Comissão Estadual Judiciária de Adoção Internacional (Cejai), do Tribunal de Justiça do Ceará (TJCE), promoverá ação para incentivar as servidoras a manter vínculo com crianças e adolescentes em situação de acolhimento institucional. A campanha “Uma vez… Madrinha 2017” fica com inscrições abertas até o próximo dia 10. Foram disponibilizadas um total de 200 vagas.

As candidatas a madrinha terão encontro em 10 de maio, às 14h, no TJCE, e no dia 11, no mesmo horário, no Fórum Clóvis Beviláqua. As interessadas devem procurar a Cejai (85 – 3207.7084) ou o Fórum de Fortaleza (85 – 3278.1062). A partir daí, elas têm até 31 deste mês para proporcionar um fim de semana de lazer à criança ou ao adolescente.

Além das mulheres que trabalham no Judiciário, podem participar profissionais do Ministério Público e da Defensoria Pública. A finalidade é que tenham a oportunidade de conhecer a realidade das pessoas que vivem acolhidas, promovendo sensibilização sobre a importância do Programa de Apadrinhamento Afetivo, realizado pelo Judiciário.

Nesse projeto específico, apenas o apadrinhamento afetivo está disponível. A iniciativa é voltada para a manutenção de vínculos, ampliando as oportunidades de convivência familiar e comunitária. O voluntário pode visitar o apadrinhado na unidade de acolhimento, levá-lo para passear, passar fins de semana e férias escolares (período não superior a sete dias), entre outras ações de lazer.

Com informação da A.I