Share on facebook
Share on twitter
Share on whatsapp

Entre 2011 – anos de início da Década para Ações em Segurança Viária – e 2018, houve uma redução de 44% na taxa de mortalidade relacionada a acidentes de trânsito, em Fortaleza. Desde 2014, a Capital também registra quatro quedas consecutivas no número absoluto de mortes.

Até o fim de 2020, a cidade tem a meta de reduzir esse tipo de morte pela metade, de acordo com os Objetivos de Desenvolvimento Sustentável da Organização das Nações Unidas.

No último ano, foram registradas 8,6 mortes para cada grupo de 100 mil habitantes, o equivalente a um óbito no trânsito para cada grupo de 12 mil pessoas. Em 2011, o índice era de 15,4. Entre 2014 e 2018, a estimativa é que mais de 400 vidas tenham sido salvas, considerando que as 377 mortes ocorridas naquele primeiro ano tivessem se mantido nos seguintes.

Share on facebook
Share on twitter
Share on whatsapp