Share on facebook
Share on twitter
Share on whatsapp

A MESA DIRETORA DA CÂMARA MUNICIPAL, sob o comando da presidente Natércia Campos, não pode se omitir, nem ficar de braços cruzados diante do barulho na estrutura do prédio do Legislativo que assustou vereadores e  visitantes. Se o estrondo, como define a jornalista Maria Guilherme em texto para o GP, esvaziou, na semana passada, o Plenário recém-inaugurado, é prudente que os atuais dirigentes da Câmara de Vereadores solicitem,
com urgência, uma inspeção do Conselho Regional de Engenheira e Arquitetura (CREA) nas obras realizadas no  final do ano passado. O estrondo é um alerta de risco para quem frequenta as dependências internas do Poder.  E, nesse momento, é melhor a prevenção ao risco de acidentes que podem gerar ferimentos graves em que trabalha
ou frequenta o prédio da C&aci rc;mara Municipal.

Distância

O PREFEITO NAUMI AMORIM (PMB), ao ler reportagem do Grande Porto, em sua última edição, com abordagem do seu distanciamento do Governador Camilo Santana (PT), reconheceu a precisão da análise sobre as razões que o levam a se aproximar do presidente do Senado Federal, Eunício Oliveira (PMDB). Naumi está na agenda de Eunício que visitará, nesta sexta-feira, o Ceará.

Mãos dadas

DEPOIS DO PSD apresentar como estrela, no rádio e na televisão, a primeira dama de Caucaia, Erik a Amorim, agora é a vez do prefeito Naumi aparecer como principal nome na propagada partidária do PMB. As duas siglas, sob a orientação de Domingos Neto e Patrícia Aguiar, constroem ampla aliança com o PMDB para as eleições de 2018. O bloco tem ainda o SD.

PSDB em 2018

O PRESIDENTE DA EXECUTIVA REGIONAL DO PSDB, Luiz Pontes, quer que o partido repita a aliança com o PMDB, PR e SD na corrida pelo Governo do Estado. Ele considera que, com o lançamento o de um forte candidato a presidente da República, o PSDB estará presente na chapa majoritária no Ceará – Governo do Estado ou Senado.

Justiça para Goes

ASSESSORES JURÍDICOS DA PREFEITURA DE CAUCAIA preparam ação para interpelação do ex -prefeito Washington Goes por má aplicação de recursos públicos durante os seus oito anos de mandato. A ação terá por base uma auditoria do Tribunal de Contas dos Municípios (T CM). Haverá pedido de ressarcimento de recursos aos cofres públicos e, também, a inelegibilidade do antecessor de Naumi Amorim.