Share on facebook
Share on twitter
Share on whatsapp

A Agência de Desenvolvimento do Estado do Ceará (Adece) prorrogou o chamamento público de prefeituras para a ampliação dos postos de atendimento do programa de Microcrédito Produtivo (Ceará Credi). Os municípios interessados poderão se inscrever gratuitamente até o próximo dia 18 de fevereiro, exclusivamente, pelo endereço eletrônico cearacredi@adece.ce.gov.br. O Edital de prorrogação e o modelo do termo de adesão podem ser encontrados no site oficial da Adece ou clicando aqui: edital e termo de adesão.

Até o momento, 22 prefeituras já aderiram a parceria por meio do chamamento público. Conforme a diretora de Economia Popular e Solidária da Adece, Silvana Parente, a parceria não envolverá repasse de recursos, mas será formalizada por meio de um termo de cooperação para uma maior estruturação do programa. “A proposta para as prefeituras é que elas disponibilizem uma sala equipada e ao menos um agente administrativo remunerado e capacitado para atender em conjunto com o agente de crédito. Com isso, vamos acelerar bastante o programa e aumentar a presença local em todos os municípios”, explica.

A gestão do programa no município com estrutura técnica e metodológica, bem como apoio técnico na seleção e capacitação dos agentes ficarão sob responsabilidade da Adece. A disponibilização de recursos financeiros para atender as demandas de microcrédito do município, obedecendo as normas operacionais vigentes do Programa, está entre outras atribuições da Agência.

O programa
O Ceará Credi é um programa de microcrédito produtivo lançado em abril de 2021 pelo Governo do Ceará e operacionalizado pela Adece. A iniciativa tem o objetivo de ampliar oportunidades de trabalho e renda para empreendedores e trabalhadores autônomos, formais e informais e agricultores familiares, por meio da disponibilização de microcrédito produtivo orientado, capacitação empreendedora e educação financeiras em comunidades urbanas e rurais do Ceará. Os empréstimos vão de R$ 500,00 a R$ 5 mil.

Um total de 112 agentes de crédito distribuídos em 56 postos já atuam no programa. Até o final do ano passado, o programa já havia atendido mais de 18 mil pequenos negócios no Estado, em cinco meses de operação.

(*) Com informações Governo do Ceará

Share on facebook
Share on twitter
Share on whatsapp