Share on facebook
Share on twitter
Share on whatsapp

Até 2026, o Governo Federal terá uma participação de 23% no fornecimento de recursos do novo Fundeb, que foi aprovado na última semana. Com isso, vários Estados, incluindo o Ceará, terão aumento no valor recebido do fundo, que é uma espécie de poupança voltada para arcar com gastos na educação básica.

O levantamento feito pela Consultoria de Orçamento da Câmara revela que, pelos próximos 6 anos, o Ceará deve receber cerca de R$ 1,784 bilhão a mais do fundo. A projeção leva em conta a arrecadação e o número de alunos matriculados.

Em 2021, primeiro ano da aplicação das novas regras do Fundeb no qual o Governo Federal passará a ter participação de 15%, até este ano é de 10%, o Ceará receberá R$ 386 milhões a mais, se comparado a 2020, num total de R$ 2,130 bilhões.

Já em 2026, quando a injeção de recursos federais no Fundeb chegará a 23%, a estimativa é que os cofres do Estado devam receber R$ 3,527 bilhões só naquele ano.

A lista completa sobre o repasse de recursos a cada Estado, você pode conferir através do link: https://www.camara.leg.br/internet/agencia/infograficos-html5/veja-quanto-cada-estado-vai-receber-da-uniao-com-novo-fundeb/2026.html#2026

Share on facebook
Share on twitter
Share on whatsapp