Share on facebook
Share on twitter
Share on whatsapp

Nos meses de janeiro e fevereiro, o estado do Ceará deve receber duas remessas de 614.811 doses da vacina desenvolvida pela farmacêutica AstraZeneca em parceria com a Universidade de Oxford e finalizada pela Fundação Oswaldo Cruz (Fiocruz) no Brasil.

A previsão é de que o Estado receba ainda no primeiro semestre do próximo ano 1,7 milhão de doses da vacina contra o coronavírus e comece a vacinar em fevereiro, conforme o governador Camilo Santana (PT) anunciou. Há estimativa de distribuição programada e fracionada das vacinas entre janeiro e julho de 2021.

Serão três fases de vacinação contra a Covid-19, começando pelos profissionais da saúde, idosos acima de 75 anos, pessoas 60 anos ou mais que vivem em instituições de longa permanência e população indígena.

A segunda fase contempla idosos de 60 a 74 anos, enquanto a terceira etapa inclui pacientes com comorbidades. Por fim, as demais fases deverão abranger todos os outros grupos.

Share on facebook
Share on twitter
Share on whatsapp