Share on facebook
Share on twitter
Share on whatsapp

Com investimento inicial previsto de R$ 200 milhões, as empresas DG Power e Mercuria Energy Trading pretendem instalar na região do Porto do Pecém uma indústria transformadora de produção de combustíveis (gasolina e diesel). As obras, previstas para iniciarem em 2019, depende ainda de trâmites com o Governo do Estado em liberar uma retroárea do Porto do Pecém para o empreendimento. Como há previsão de uma refinaria no Complexo Industrial e Portuário do Pecém (Cipp), as empresas querem nesse mercado potencial da produção de combustíveis, utilizando-se de matérias primeiras fornecidas pela refinaria.

Sem FPM

De janeiro a julho, 31 municípios cearenses tiveram pelo menos um dos repasses do Fundo de Participação dos Municípios zerados. Só nos primeiros sete meses deste ano, isso representou um montante de R$ 177,36 milhões emperrados, sem chegar ao Estado. Principal fonte de receita de grande parte dos municípios do País, o Fundo vem sendo retido pela Receita Federal em razão de dívidas previdenciárias, afetando principalmente as prefeituras de menor porte, mais dependentes do recurso. Os dados são do novo levantamento da Confederação Nacional de Municípios (CNM) e indicam ainda que o valor representa 4,9% dos R$ 3,61 bilhões retidos do FPM em todos os municípios do País neste ano.

Seguro Defeso

Quem vive da pesca sabe da importância do Seguro Defeso para garantir o sustento da família no período em que a atividade é proibida. Mas uma portaria do Governo Federal ameaçava acabar com o Seguro Defeso. Houve uma forte reação dos pescadores, a portaria foi suspensa e um projeto de lei que iniciou pelo Senado e agora tramita na Câmara dos Deputados, volta a garantir o benefício. Pescadores cearenses cobram da bancada federal olho vivo no acompanhamento dessa medida. Uma das que já se pronunciou em apoio a essa medida é a deputada Gorete Pereira (PR).

Vagas temporárias

Dados da Associação Brasileira do Trabalho Temporário e Caixa Econômica mostram que devem ser abertas 434,4 mil vagas temporárias entre setembro e dezembro, nos setores da indústria, comércio e serviços, em decorrência do aumento das vendas para o Dia das Crianças, Natal e Ano Novo em todo o País. O crescimento deve ser de 10% em relação ao mesmo período de 2017, quando foram abertas 394,9 mil vagas. A alta, segundo a entidade, é puxada pela indústria, em especial dos segmentos farmacêutico, alimentar, químico e agroindustrial.

Congresso

De 17 a 21 de novembro, a Cimento Apodi estará presente no 60º Congresso Brasileiro do Concreto. O presidente, Adauto Farias, e o superintendente, Emmanuel Mitsou, participarão do evento que acontecerá em Foz do Iguaçu. Emannuel ministrará palestra com a seguinte temática: “Sustentainability Through AI: Experience and Developments in Brazil”. O Congresso, promovido pelo Instituto Brasileiro do Concreto (IBRACON), é o maior fórum técnico nacional de debates sobre a tecnologia do concreto e seus sistemas construtivos. Tem como objetivo divulgar, anualmente, as novidades relacionadas às pesquisas científicas, tecnologias e inovações.