Share on facebook
Share on twitter
Share on whatsapp

O Ceará é o estado nordestino com menor taxa de gravidez entre jovens de 15 a 19 anos, segundo pesquisa do Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE) com base em dados de 2016. A pesquisa mostrou que, a cada mil mulheres nessa faixa etária, 55 tiveram filhos.

O estado da região com maior fecundidade é o Maranhão, com taxa de 84,5 jovens grávidas para cada mil habitantes.

A pesquisa de estatística de gênero mostrou ainda que 56 jovens a cada mil mulheres entre 15 e 19 anos tiveram filhos em 2016 no país.

As regiões Nordeste e Centro-Oeste apresentaram em 2016 a taxa de fecundidade de 64,9 e 55,6, respectivamente. Já as regiões Sudeste e Sul possuíam em 2016 o índice de 45,4 e 45,6, respectivamente.

Participação na polícia

O levantamento do IBGE mostrou também que o Ceará tem uma das menores participações femininas nas corporações policiais. Entre policiais civis e militares que atuam no estado, apenas 6,1% são mulheres.

Conforme a pesquisa, a proporção de mulheres atuando na segurança do estado só não é menor que no Rio Grande do Norte, onde o quadro policial tem uma parcela feminina de apenas 5,1%.

Os estados com maior representação feminina no país, conforme o IBGE, são Roraima (23,4%) e Amazonas (19%).

Polícia Rodoviária

A Polícia Rodoviária Federal é a corporação policial que atua no Ceará onde a mulher é mais representativa. Segundo a PRF, 15% do quadro são mulheres.

Em comemoração ao Dia Internacional da Mulher, as policiais rodoviárias entregarão flores às mulheres abordadas nas BRs que cruzam o Ceará.

“Fundamentais no trabalho policial, as mulheres cada vez mais ingressam em instituições. Na PRF, há policiais motociclistas, integrantes de grupos especiais, (Força de Choque, Núcleo de Operações Especiais), instrutoras de armamento e tiro e direção veicular”, afirmou a PRF.

Com informações G1

Share on facebook
Share on twitter
Share on whatsapp