Share on facebook
Share on twitter
Share on whatsapp

O Ministério da Integração Nacional repassou, na última semana, mais R$ 24,28 milhões para o projeto Cinturão das Águas do Ceará. O valor se soma a outros R$ 8,7 milhões que haviam sido liberados no início do mês, o que soma um total de R$ 33 milhões investidos somente em novembro.

O Cinturão das Águas interliga bacias hidrográficas do Ceará e, quando finalizado, permitirá que as águas advindas da Transposição do Rio São Francisco cheguem ao açude Castanhão, garantindo o abastecimento de água para mais de 4,5 milhões de habitantes. Segundo o Ministério, a previsão é de que as águas do São Francisco estejam abastecendo o reservatório de Jati (CE) nos primeiros meses de 2018.

Assegurar a conclusão das obras da Transposição, bem como as do Cinturão das Águas do Ceará, tem sido uma das prioridades do mandato do presidente do Congresso Nacional, senador Eunício Oliveira. O esforço político do parlamentar, junto ao Governo Federal, foi crucial para continuidade dos projetos, a despeito da crise econômica que prejudica os grandes investimentos públicos.

Com esses recentes repasses, os investimentos federais no Cinturão das Águas já somam R$ 144,5 milhões em 2017. “Há um grande esforço para que essas importantes obras sejam concluídas o mais rápido possível, principalmente diante deste terrível quadro de seca que perdura há seis anos. Com a Transposição do São Francisco e o Cinturão das Águas, vamos assegurar o abastecimento de água regular para milhões de cearenses, incluindo os que vivem na Região Metropolitana de Fortaleza”, ressaltou Eunício.

Com informações Assessoria de Comunicação 

Share on facebook
Share on twitter
Share on whatsapp