Share on facebook
Share on twitter
Share on whatsapp
O Centro de Inclusão Tecnológica e Social (CITS) do Conjunto Ceará, maior bairro habitacional da América Latina, realizou nesta terça-feira (28), uma manhã de serviços e apresentações culturais para a comunidade. “Nossa maior aposta é no povo cearense, por isso, o governo do Estado tem investido cada vez mais na capacitação profissional. É uma grande alegria estar aqui junto do nosso povo e ver de perto os resultados do trabalho desenvolvido neste equipamento”, ressaltou a primeira-dama do Ceará, Onélia Santana, durante sua visita a unidade do Conjunto Ceará.
A voz e as notas do violão de Levi (10) e Macole da Silva (23), são a prova viva dos talentos e potenciais que estão nas periferias de Fortaleza. “Eu fiz o curso de Atendente de Farmácia e agora estou aprendendo violão. O CITS é como uma segunda casa, um local em que me sinto acolhido por todos, aqui estou aprendendo coisas que servirão para minha vida pessoal e profissional”, explicou o aluno Macole.
Formação social e Profissional
“O nosso governador tem investido muito para que o Ceará seja um estado de oportunidades para todos. Vocês que são jovens não podem perder tempo, tem que aproveitar cada minuto para se capacitar e garantir sua vaga no mercado de trabalho”, ressaltou a secretária-executiva da STDS, Luciene Rolim, que vem visitando as unidades de CITS junto a primeira-dama do Ceará.
Serviços
Entre os serviços ofertados estão a emissão de documentos como Carteira de Identidade (RG) e CPF, atualização e inscrição do Cadastro Único (CadÚnico) e corte de cabelo. A programação dos cursos ofertados a jovens e adultos segue normalmente, de acordo com o portfólio de cada unidade, bem como as atividades esportivas e culturais.
As comunidades dos CITS José Walter, Parque São José e Conjunto Ceará receberam a manhã de serviços e programações que, nos próximos dias 05 e 06/06, ocorrem respectivamente nas unidades dos CITS Lagamar e Mucuripe. Neste ano, a STDS capacita 2.450 novos profissionais e disponibiliza 3.040 vagas para atividades de lazer, esporte e cultura, nas setes unidades dos CITS, na periferia da Capital. A carga horária dos cursos variam de 100 a 160 horas.
Com Governo do Estado
Share on facebook
Share on twitter
Share on whatsapp