Share on facebook
Share on twitter
Share on whatsapp

Pandemia obriga classe média a rever gastos, hábitos e prioridades e a usar poupança para enfrentar crise. A reviravolta repentina na vida financeira da classe média e alta mostra como a pandemia do novo coronavírus aperta também o bolso de quem está no topo da pirâmide socioeconômica no país.

Segundo o jornalistas Carlos Alberto Alencar em sua participação no Jornal Alerta Geral desta segunda-feria (27), os mais pobres são os mais afetados pela crise econômica, mas, guardadas as devidas proporções, as classes média e alta também sofrerão um forte impacto. 

Com a paralisação de atividades econômicas, pequenos empresários e profissionais liberais reorganizam os orçamentos, assim como trabalhadores assalariados que terão remuneração e jornada reduzidas nas condições previstas na medida provisória (MP) 936, elaborada para evitar demissões, e que prevê contrapartidas do governo.

Confira na íntegra o comentário do jornalista Carlos Alberto Alencar:

Share on facebook
Share on twitter
Share on whatsapp