Share on facebook
Share on twitter
Share on whatsapp

O ministro da Saúde, Eduardo Pazuello, afirmou nesta quinta-feira (17) que a rede de clínicas privada também terá acesso à vacina contra a Covid-19, mas só depois que o SUS (Sistema Único de Saúde) receber toda a quantidade que necessita.

Com a divulgação de resultados de eficácia de algumas vacinas, antes mesmo da aprovação em diferentes países, representantes de clínicas privadas de vacinação relataram aumento na procura de informações sobre a disponibilidade da imunização nesses locais.

O ministro afirmou que a distribuição das vacinas será parte de um plano nacional e vai contemplar todos os estados. Segundo ele, todos os brasileiros serão vacinados igualitariamente e todos os estados receberão a vacina simultaneamente, para que haja a vacinação grátis para todos os brasileiros.

Share on facebook
Share on twitter
Share on whatsapp