Share on facebook
Share on twitter
Share on whatsapp

O mês de abril não apresentou bons resultados nas vendas do comércio varejista ampliado cearense (que inclui veículos, motocicletas, partes e peças). O setor teve queda de 37,2% nas vendas em abril deste ano na comparação com igual período do ano passado. Os dados foram divulgados pelo Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE) nesta terça-feira (16). 

Na passagem de março para abril, a baixa foi de 23%. O resultado é o pior da série histórica do IBGE. O dado mais antigo para o Estado é de janeiro de 2005. Com o resultado, as vendas acumulam queda de 11,8% nos primeiros quatro meses de 2020. Já nos últimos 12 meses encerrados em abril, a queda é de 1,3%.

Na comparação com abril de 2019, o Ceará apresentou a segunda maior queda do País, atrás apenas do Amapá (-41,4%). Na terceira posição aparece Rondônia (-35,9%). No Brasil, a queda foi de 27,1%.

Share on facebook
Share on twitter
Share on whatsapp