Share on facebook
Share on twitter
Share on whatsapp
A Comissão da Infância e Adolescência da Assembleia Legislativa, presidida pela deputada Érika Amorim (PSD), começa nesta terça-feira (18) uma série de visitas a entidades de acolhimento institucional de crianças e adolescentes, em Fortaleza e na Região Metropolitana.

Segundo a deputada, a comissão tem o papel de dar suporte a todas as instituições e órgãos que prestam assistência as crianças e adolescentes.

Vamos a duas entidades em Fortaleza. Com a agenda desta terça, fecharemos o semestre com oito instituições visitadas pela comissão. Nosso intuito é ajudar essas casas, avaliando as principais necessidades e propondo melhorias, assinala.

Cerca de 14 entidades estão agendas para receber a visitação durante este ano, segundo a parlamentar. As visitas acontecem nas terças-feiras, a partir das 8h30, a cada 15 dias. Ao todo, seis entidades de acolhimento já receberam a Comissão da Infância.

A deputada Érika Amorim defende que integralizar o Centro de Referência de Assistência Social (Cras) com o Centro de Referência Especializado de Assistência Social (Creas) já é um importante passo que deve ser analisado para melhorar a assistência às crianças e adolescentes. Além disso, a parlamentar busca inserir a comissão na promoção de oficinas de capacitação de profissionais que lidam com a realidade desses abrigos.

É importante também estimular a sociedade e fazê-la ter conhecimento dos programas de apadrinhamento, além de reforçar o debate sobre a celeridade de casos que compreendem a adoção, destaca.