Share on facebook
Share on twitter
Share on whatsapp

Influenciada pela queda da inflação e dos juros, a confiança das famílias brasileiras voltou a crescer. Em julho, o nível de otimismo avançou 12,5% em relação ao mesmo período do ano passado. É o maior crescimento nessa base de comparação em sete anos.

Os dados são da Confederação Nacional do Comércio de Bens, Serviços e Turismo (CNC), e foram divulgados nesta terça-feira (18).

“A confiança dos consumidores, que segue em trajetória positiva em relação ao mesmo período do ano passado, vem sendo conduzida pela melhora das expectativas”, observou Juliana Serapio, economista da CNC.

O bom desempenho do período vem na sequência de uma revisão das perspectivas para as vendas de 2017. Antes, a CNC esperava que o comércio avançasse 1,2% comparado a 2016; agora, a previsão é de alta de 1,6%.

“O início de recuperação das condições econômicas, como a desaceleração da inflação, a queda dos juros e a liberação dos recursos das contas inativas do FGTS pode levar a uma alta mais consistente ao longo dos próximos meses”, avaliou a economista.

Com informações da CNC