Share on facebook
Share on twitter
Share on whatsapp

Procurando se firmar no espaço da tabela que garante vaga à Sul-Americana, o Ceará se prepara para mais um duelo pela 15° rodada da Série A do Brasileirão. Com o sexto melhor aproveitamento na competição nacional após o fim da Copa América, o clube cearense encontra-se em fase otimista e o sentimento de confiança paira sobre os jogadores.  A equipe alvinegra, comandada por Enderson Moreira, vem de três vitórias nos últimos quatro jogos, sendo as duas mais recentes em sequência derrotando o rival Fortaleza e goleando a Chapecoense. Artilheiro do time no campeonato com sete gols e segundo colocado no geral atrás apenas de Gabigol com nove, o meia Thiago Galhardo vive boa fase e isto tem fortalecido o elenco de Porangabuçu.

O esquema tático do 4-2-3-1 utilizado por Enderson tem sido bastante efetivo e conferido solidez ao Vovô. Defensivamente o time tem conseguido evitar as investidas inimigas e a boa reposição nos contra-ataques dos adversários impede estes de obterem êxito nas suas jogadas. Já no meio campo, os volantes Ricardinho e Fabinho fazem um belo trabalho na reposição de bola, enquanto os meias, Wescley, Lima e Thiago Galhardo, mais a frente, realizam boas transições e erram poucos passes, facilitando o ofício do atacante Felipe Cardoso na hora de finalizar.

Portanto, com alta estima elevada, o time agora viaja para enfrentar o São Paulo no domingo às 16h, no Morumbi. A equipe paulista vem de três triunfos seguidos e terá dois reforços de peso para o duelo no domingo. Recém-contratados, Daniel Aves e Juafrán estreiam na próxima rodada no time titular do técnico Cuca. A expectativa é alta devido a todo o business feito em cima das aquisições, sobretudo, no caso de Daniel Alves, que assinou com o tricolor paulista após ótimas passagens pelo Barcelona, Juventus e Paris Saint Germain. Trabalho difícil para a equipe alvinegra que terá de mostrar personalidade para vencer um estádio lotado, além de superar um elenco que ainda conta com Hernanes e Alexandre Pato.

Dois centavos

Possibilidades existem, elas não podem ser descartadas. O Ceará vive bom momento e os jogadores têm evocado um sentimento de confiança na torcida, isto se reflete nos resultados, que, até o momento, são positivos. Encarar um time “grande” nunca é fácil, ainda mais o São Paulo, que sonha em voltar à sua época de muitas glórias e conquistas. Por este motivo, abriu os cofres para contratar um jogador do calibre de Daniel Alves, eleito melhor jogador da última Copa América e considerado um dos melhores laterais de todos os tempos, e que, ainda está no auge, apesar dos 36 anos. Penso que um empate arrancado nessas circunstâncias é plenamente satisfatório, não há motivos para se arriscar diante de um adversário tão letal e que vem com sede de triunfos. Desse modo, a palavra aqui é cautela. Muito respeito aliado à personalidade dentro de campo, assim, o Vovô cearense poderá sair mais feliz que o Vovô paulista.

 

Share on facebook
Share on twitter
Share on whatsapp