Share on facebook
Share on twitter
Share on whatsapp

O comércio varejista deve contratar quase 20% menos trabalhadores temporários neste Natal em relação à mesma data de 2019, calcula a Confederação Nacional do Comércio de Bens, Serviços e Turismo (CNC). A entidade estima que 70,7 mil trabalhadores temporários serão admitidos para atender ao aumento das vendas neste fim de ano, ante um total de 88,0 mil postos temporários criados no ano passado. A geração de vagas será a menor em cinco anos.

O jornalista Carlos Alberto Alencar em seu comentário no Jornal Alerta Geral desta quinta-feira (22), principal data comemorativa do varejo, o Natal deve movimentar R$ 37,5 bilhões em vendas em 2020, aponta a CNC.

Confira na íntegra o comentário do jornalista Carlos Alberto Alencar: