Share on facebook
Share on twitter
Share on whatsapp

Fortaleza iniciou nesta segunda-feira (20), a quarta fase do Plano de Retomada Responsável das Atividades Econômicas e Comportamentais nas Regiões de Saúde do Ceará. Durante a terceira etapa, finalizada no último domingo, a Secretaria da Saúde do Estado (Sesa) realizou 920 fiscalizações em espaços como praças de alimentação, estabelecimentos de saúde, restaurantes, mercados públicos, indústrias, mercantis e shoppings.

Estamos percebendo durante as fiscalizações que a população ainda está relutante em usar máscara de proteção. É necessário que as pessoas sejam compreensivas e saibam a importância do uso de máscara para proteger ela e os que estão ao redor, reforça a técnica da Vigilância Sanitária da Sesa, Jane Cris Cunha.

As fiscalizações acontecem ao longo de toda a semana e são realizadas em conjunto com a Coordenadoria de Vigilância Ambiental e Saúde do Trabalhador da Sesa. Durante as três primeiras fases, foram interditados cautelarmente sete estabelecimentos da área da saúde e cinco centros comerciais do tipo shopping.

Na última sexta-feira (17), o governador Camilo Santana apresentou as novas diretrizes voltadas ao Plano de Retomada. Na capital cearense, continuam suspensas atividades em escolas e universidades para aulas presenciais; academias; cinemas; bares e eventos.

Diante dos números, os municípios da macrorregião de Fortaleza passam para a fase 3 e a Capital para a fase 4. A Macrorregião Norte, por seus indicadores continuarem em queda, passa para a fase 1, comunicou Camilo.

Ainda de acordo com o governador, a partir desta segunda-feira, equipes do Estado e da Prefeitura vão definir prazos e protocolos para o retorno gradual dos setores.

Share on facebook
Share on twitter
Share on whatsapp