Share on facebook
Share on twitter
Share on whatsapp

O decreto estadual com medidas contra a pandemia do coronavírus foi renovado pelo governador do Ceará, Camilo Santana, após reunião virtual com o comitê formado por profissionais de saúde, presidentes do Tribunal de Justiça e Assembleia Legislativa, e Ministério Público Estadual e Federal.

Dessa forma, os estabelecimentos precisam continuar obedecendo as regras e medidas sanitárias para funcionar normalmente. O Estado, por meio da Secretaria da Saúde, Polícia Militar, Polícia Civil e Polícia Rodoviária Estadual, irá continuar auxiliando os agentes municipais na fiscalização. Em caso de reincidência de autuação pelas equipes de fiscalização, o estabelecimento terá suas atividades suspensas inicialmente por sete dias.

De acordo com o comitê estadual que define as medidas que compõem o decreto, os relatórios elaborados pelas equipes de saúde apontam queda contínua no número de casos no Estado. O comitê segue avaliando demandas dos setores ainda não incluídos no plano de retomada da economia.