Share on facebook
Share on twitter
Share on whatsapp

Comemorando mais um mês de aniversário, o equipamento da Secretaria da Cultura do Estado do Ceará (Secult) promove mais uma edição do programa Theatro de Portas Abertas Virtual. A programação formada por artistas cearenses acontece a partir das 18h, no Youtube do Theatro José de Alencar.

Iniciando a agenda, a artista Camila Pessoa apresenta o projeto “Corpo Nuvem”, uma performance feita durante o período da quarentena, que usa o movimento do circo, sua linguagem, para performar a sensação de confinamento. Após a exibição, Camila e a nossa mestre de cerimônia, a atriz, musicista e professora, Juliana Veras, bate um papo sobre a obra apresentada.

Em seguida, a artista travesti Noá Bonoba apresenta a performance visual “Travomantra”. O projeto resulta de um processo de observação que a artista tem chamado de “quadros solares”. O processo de observação aconteceu durante o mês de maio, quando Noá fotografou diariamente dois quadros solares que se formavam em duas paredes do seu apartamento durante o pôr do sol.

Dando continuidade à programação, entra em cena “Mnemosine: porque memória é feminina!”, um espetáculo/performance criado pela atriz Paula Yemanjá, que através de um jogo interativo narra episódios da vida de mulheres cearenses. Após a exibição, Paula também será convidada para um bate-papo sobre a obra.

Quem encerra a edição é o projeto “Vendas e mordaças – Revisitando Aquelas” do Grupo Manada de Teatro. O encontro virtual contará com a participação das atrizes/performers Monique Cardoso e Juliana Veras, e de Verônica Isidoro, educadora social, feminista, militante que integra o Conselho da Mulher do Crato e a Frente de Mulheres do Cariri. Uma provocação que busca ampliar a discussão, através do teatro, sobre as micropolíticas de enfrentamento à violência contra a mulher.

 Arte em Rede

Os conteúdos da programação foram selecionados no Arte em Rede – Convocatória para seleção de projetos artísticos digitais, que objetiva complementar a programação da Casa de Saberes Cego Aderaldo, do Centro Dragão do Mar de Arte e Cultura, do Cineteatro São Luiz, do Porto Dragão e do Theatro José de Alencar, de agosto a dezembro de 2020. A iniciativa se insere dentro de um conjunto de iniciativas que o Governo do Ceará, a Secretaria da Cultura do Estado e sua Rede de Equipamentos vêm realizando com o objetivo de promover e movimentar a criação, difusão e economia artística e cultural do Estado, no contexto de medidas de distanciamento social necessárias neste período de pandemia do Coronavírus.

Serviço

Theatro de Portas Abertas

Dia 17- (quinta-feira), às 18h

Youtube do Theatro José de Alencar (https://www.youtube.com/theatrojosedealencar)