Share on facebook
Share on twitter
Share on whatsapp

Das 36 ambulâncias que atendem a população pelo Samu em Fortaleza, 21 estão em manutenção, cinco estão em processo de aquisição e apenas 10 circulam. Com o número reduzido de veículos prestando serviços, os pacientes estão esperando mais pelo socorro.

Uma ambulância circula em média durante 18 horas por dia, o que faz com que os veículos sofram muito desgaste.  O problema pode se agravar,  já que o município de Fortaleza não vai receber veículos que estavam previstos para chegar neste mês.

A Prefeitura de Fortaleza informa que está procurando soluções para restaurar a frota padrão, até que as novas ambulâncias cheguem à Capital.