Share on facebook
Share on twitter
Share on whatsapp

A Câmara dos Deputados começa a votar, agora, pela cédula eletrônica, os vetos que não foram destacados pelos partidos para votação pelo painel eletrônico. A cédula eletrônica permite a contagem automática dos votos e a identificação do parlamentar.

Para ser rejeitado, um veto precisa do voto contrário da maioria absoluta dos parlamentares (41 senadores e 267 deputados).

Na pauta, constam ainda o PLN 5/19 (Lei de Diretrizes Orçamentárias de 2020) e vários projetos de lei de créditos orçamentários.

Bagagens e abuso de autoridade

Um dos principais vetos é o que pretende restituir a franquia de bagagens nas passagens aéreas, tanto em voos nacionais quanto internacionais (MP 863/18).

Os parlamentares podem votar ainda os vetos recentes ao projeto de lei sobre crimes de abuso de autoridade (PL 7596/17).

Acompanhe ao vivo:

Share on facebook
Share on twitter
Share on whatsapp