Share on facebook
Share on twitter
Share on whatsapp

O Plenário analisa, neste momento, o destaque do PCdoB à proposta de reforma da Previdência que pretende excluir do texto a possibilidade de pagamento de pensão por morte em valor inferior a um salário mínimo se o beneficiário tiver outra fonte de renda formal.

Para manter o texto na proposta, os deputados que o apoiam precisam somar 308 votos no mínimo.