Share on facebook
Share on twitter
Share on whatsapp

Os dois suspeitos de envolvimento na execução de quatro internos do Centro de Semiliberdade Mártir Francisca foram capturados nesta segunda-feira, 20, pela Divisão de Homicídios e Proteção à Pessoa (DHPP) da Polícia Civil. Um homem já havia sido preso pelas autoridades, um dia após o crime.

A polícia segue investigando o caso e dará mais detalhes sobre o caso em coletiva de imprensa na manhã desta segunda-feira. Em depoimento, o primeiro suspeito apreendido assumiu participação no crime, alegando que não disparou contra as vítimas, ele tem 18 anos de idade e teve passagem por tráfico de drogas, antes da maioridade penal.

O crime aconteceu na última segunda-feira, 13, onde quatro internos do Centro de Semiliberdade foram executados nas proximidades da unidade. De acordo com informações do caso, vinte homens chegaram armados retirando os jovens do centro educacional e executaram quatro dos seis que foram retirados da unidade, a identidade deles não foi revelada. Ainda na madrugada 15 internos conseguiram fugir do local, a Polícia Militar (PM) foi acionada  e conseguiu capturar 10 jovens.