Share on facebook
Share on twitter
Share on whatsapp

Todos os estados brasileiros e o Distrito Federal organizam manifestações por todo o país no Dia Nacional de Luta em Defesa da Previdência, nesta sexta-feira (22). As manifestações são uma resposta à proposta de reforma apresentada pelo governo de Jair Bolsonaro. Atos, panfletagens e outras ações devem ocorrer em, pelo menos, 52 cidades do Ceará.

Em Fortaleza, centrais sindicais aderiram ao dia e, na manhã desta sexta-feira, protestam contra a reforma da Previdência. O grupo chega às redondezas da Assembleia Legislativa do Estado do Ceará aos gritos de “se o presidente não parar a Reforma, nós vamos parar o Brasil“, além de palavras de outras palavras de ordem.

Em Russas, as escolas municipais não irão funcionar por conta dos protestos. A ação é organizada por um grupo de sindicatos e entidades. O correspondente do Jornal Alerta Geral (Rádio FM 104.3 – Expresso Grande Fortaleza + 26 emissoras no Interior), Cid Ferreira, tem mais informações sobre o assunto. 


Em Tianguá, manisfestantes se reúnem na Praça dos Eucaliptos desde às 8 hrs. O correspondente do Alerta Geral da região, Solon Vieira, registrou a concentração na praça.