Share on facebook
Share on twitter
Share on whatsapp

Os ferros dos pilares expostos nas imagens de vídeos e fotos que circulam nas redes sociais podem ter sido a causa do desabamento do edifício residencial, localizado na Rua Tibúrcio Cavalcante, no Bairro Dionísio Torres, em Fortaleza.

 

 

Sobre o caso

O prédio caiu por volta das 10:30 horas. Nesse horário, muita gente saiu para trabalhar ou estava cumprindo compromissos. Se o desabamento tivesse acontecido à noite ou pela madrugada, na avaliação de técnicos e engenheiros, a tragédia ganharia uma dimensão inimaginável. No início desta noite, o Governador do Estado, Camilo Santana afirmou que não há mortes confirmadas até o momento.

Não há, até o momento, precisão sobre o número de vítimas ou sobre o número de habitantes que estavam em seus apartamentos na hora da tragédia.

Leia mais:

+ URGENTE: Prédio de sete andares desaba em Fortaleza; veja fotos e vídeos

Dezenas de pessoas, ao perceberem a poeira que subiu com o desabamento do prédio, se aproximaram do local,  fizeram os primeiros registros com fotos e vídeos e tentaram ajudar vítimas e familiares dos moradores. O gesto de solidariedade foi manifestado por quem passava pela rua. Mesmo distante do local da tragédia, muita gente se comoveu com a dor e angústia dos moradores e familiares.

Peritos e engenheiros estão dedicados a descobrir os motivos da queda do prédio, enquanto médicos e enfermeiros, assim como os socorristas, se mobilizaram para atender a vítimas da tragédia. Os depoimentos de engenheiros dão indicativo de que, sem a manutenção necessária, os pilares não resistiram e cederam, o que fez o prédio ruir. Peritos colhem materiais, fazem o registro em fotos e vídeos, buscam informações sobre o projeto de engenharia, pegam depoimentos de ex e atuais moradores, assim como de vizinhos, para elaboração do laudo que indicar á as reais causas do desabamento do prédio.

Share on facebook
Share on twitter
Share on whatsapp