Share on facebook
Share on twitter
Share on whatsapp

O ex-tesoureiro da prefeitura de Camocim, Felipe Araújo Veras, não compareceu ao depoimento na Promotoria de Justiça local, marcado para ontem. Foi ele o servidor que transferiu R$ 552 mil de verbas do tesouro municipal para golpistas que teriam clonado o celular da prefeita da cidade, Mônica Aguiar (PDT). Na próxima semana, a gestora será convocada para também dar explicações ao Ministério Público (MP) sobre o caso.

O correspondente do Jornal Alerta Geral (Rádio FM 104.3 – Expresso Grande Fortaleza + 26 emissoras no Interior), Diassis Lira, tem mais informações sobre o assunto. Confira no player abaixo!

Share on facebook
Share on twitter
Share on whatsapp