Share on facebook
Share on twitter
Share on whatsapp

A falta de chuvas e a desativação da operação carro pipa deixam milhares de moradores de comunidades rurais em situação dramática no Município de Tauá. O correspondente do Jornal Alerta Geral, Alverne Lacerda, relata que, sem chuvas, os agricultores sentem os prejuízos de perto com a ameaça de perda da plantação de milho e feijão.

O drama aumenta ainda mais, segundo Alverne Lacerda, com a suspensão da operação carro pipa. Desde a denúncia veiculada no Jornal Alerta Geral sobre o transporte de água salobra, que era captada em um poço profundo no Município de Aíuaba, a operação carro pipa foi suspensa. Antes, a água, com boa qualidade, era transportada pelos carros pipa do município de Pio IX, no vizinho Estado do Piauí, para comunidades rurais de Tauá.

A falta de recursos do Orçamento da União contribuiu para a operação carro pipa parar. O deputado federal Domingos Neto (PSD), ao lado da mãe e prefeita de Tauá, Patrícia Aguiar, chegou a anunciar que, em audiência com o Ministério do Desenvolvimento Regional, Rogério Marinho, o problema da água seria solucionado, mas, pelo relato do correspondente Alverne Lacerda, o drama dos moradores ficou ainda maior: não tem chuva, nem carro pipa. A produção do site cearaagora aguarda resposta da 10ª Região Militar sobre a Operação Carro Pipa na Região dos Inhamuns.

+Veja mais informações com o repórter Alverne Lacerda:

Share on facebook
Share on twitter
Share on whatsapp