Share on facebook
Share on twitter
Share on whatsapp

A Praia do Futuro foi palco, este final de semana, dias 18 e 19, para o Festival Vivendo a Cultura Surf, realizado pela Praia do Futuro Surf School. O Festival tinha como um dos objetivos integrar o projeto de surf adaptado, A Maré Vida, que desde seu início, em julho de 2016, tem como foco compartilhar o surfe com pessoas com deficiência.

Localizado na Praia do Futuro, em Fortaleza, a escolinha A Maré Vida oferece aulas de surfe gratuitas para qualquer pessoa com deficiência física ou mental que tenha interesse em aprender o esporte, além de construir pranchas ecológicas de garrafas pet, capacitar universitários de educação física e promover sessões de acupuntura para pais e cuidadores.

O evento contou com a presença de alunos e ex-alunos da Praia do Futuro Surf e do projeto A maré vida, além do secretário do Esporte e Juventude, Rogério Pinheiro. “Um evento como este é muito importante para a nossa cidade e principalmente para os amamentes do surf. A interação entre atletas com e sem deficiência em um mesmo evento, mostra que não há barreiras e nem limites quando se trata de esporte”, comentou Rogério Pinheiro.

Foram promovidas ainda atividades como yoga, futevôlei, slackline e claro, com altas ondas para que os atletas se divertissem da maneira que mais amam, no mar. O Festival também premiou atletas e professores das categorias: Infantil avançado, Iniciante escolinha, Intermediário escolinha masculino, Intermediário escolinha feminino, Avançado escolinha masculino, Avançado escolinha feminino, Professores, I love PF e A maré vida.

Share on facebook
Share on twitter
Share on whatsapp