Share on facebook
Share on twitter
Share on whatsapp
Dando continuidade às ações da Operação Passageiro Seguro, na manhã desta quinta-feira (09), um homem, com mandado de prisão em aberto por envolvimento no latrocínio de um italiano, no fim do ano passado, foi preso. Com ele, a Polícia apreendeu uma arma fogo. A captura ocorreu durante os trabalhos de abordagens realizadas em ônibus, vans, motos e pedestres em paradas de transportes coletivos e vias de grande fluxo. A ofensiva, que teve início às quatro horas da manhã, contou a participação do secretário da Secretaria da Segurança Pública e Defesa Social (SSPDS), André Costa.

Na operação, atuaram 31 policiais militares e civis, que percorreram os principais corredores do transporte público situados nos bairros Antônio Bezerra, João XXIII, Jóquei Clube, Henrique Jorge, Autran Nunes, Parangaba e Serrinha, nas Áreas Integradas de Segurança (AIS) 01, 02 e 05. Os terminais de ônibus do Antônio Bezerra e da Parangaba também receberam as ações policiais.

Em uma das abordagens, na Avenida Silas Munguba, os profissionais de segurança prenderam Emanuel Alfredo Moreira Alves (24). Ao perceber a aproximação dos policiais, o suspeito, que estava em um ponto de ônibus, com uma motocicleta, tentou se desvencilhar da abordagem. Contudo, os agentes de segurança deram ordem de parada e, após busca pessoal ao latrocida, foi apreendido um revólver calibre 38, municiado. Em seguida, os policiais verificaram a identificação de Emanuel e constataram que ele estava com mandado de prisão, em aberto, pelo crime de latrocínio, que vitimou Alberto Antonio Pierlugi Baroli (51), em Beberibe – (AIS 10), no dia 03 de dezembro de 2016.

O fato é investigado pela Divisão de Homicídios e Proteção à Pessoa (DHPP), da Polícia Civil, e conforme o delegado da especializada, Leonardo Barreto, o homem é suspeito de ter atuado diretamente, com Gilmar Paiva de Morais (23) – preso no dia 25 de janeiro – no crime contra o estrangeiro. Além de ser dado o cumprimento ao mandado de prisão, Emanuel, que é o quinto capturado por envolvimento na ação criminosa, foi autuado em flagrante por porte ilegal de arma de fogo.

A Passageiro Seguro ocorrerá de forma sistemática nas AISs de Fortaleza, além da Região Metropolitana, e acontece conforme mapa estatístico, que aponta os locais de maior incidência de Crimes Violentos Contra o Patrimônio (CVP) e furtos.

Operação Passageiro Seguro

A ação deflagrada, no dia 01 de fevereiro, pela SSPDS e sua vinculadas, tem o objetivo de proporcionar tranquilidade aos trabalhadores e estudantes, que dependem do transporte público e também credenciado, bem como inibir delitos. A operação tem como foco o trabalho de abordagens em coletivos, vans e táxi.

Fonte: SSPDS